Brasil conquista quatro medalhas no primeiro dia do Grand Slam de Abu Dhabi de Judô


eric-takabatake

Erik Takabatake ficou com a prata, Nathália Brígida, Jéssica Pereira e Charles Chibana conquistaram o bronze – Foto: Gabriela Sabau / IJF

Em sua primeira competição após os Jogos Olímpicos Rio-2016, a seleção brasileira de Judô conquistou na última sexta-feira (28) quatro medalhas no primeiro do Grand Slam de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. Eric Takabatake foi o judoca com o melhor aproveitamento ao chegar na final. O paulista ficou perto do ouro, mas foi derrotado pelo espanhol Francisco Garrigos e acabou na segunda colocação do peso ligeiro (até 60 kg). Nathália Brígida (até 48kg), Jéssica Pereira (até 52kg) e Charles Chibana (até 66kg) ficaram com o bronze.

No caminho até a final, Erik Takabatake passou por Mehman Sadigov, do Azerbaijão, e Robert Mshvidobadze, da Rússia.

Na grande final Erik Takabatake teve pela frente Francisco Garrigos, os dois já haviam se enfrentado duas vezes com o brasileiro sempre levando a melhor. Disposto a mudar o retrospecto, o espanhol entrou no tatame com uma estratégia bem traçada e conseguiu anular a pegada da mão esquerda de Eric e não deixou o paulista impor seu estilo. Com isso, o judoca do Pinheiros acabou levando duas punições, Takabatake tentou reagir e ainda conseguiu uma punição para Garrigos, mas não foi o suficiente para vencer.

Entre os ligeiros (até 48 kg), Nathália Brígida ficou com a medalha de bronze. A brasileira começou a competição perdendo para a sérvia Mmilica Nikolic, mas venceu a espanhola Julia Figueroa e garantiu seu lugar no pódio.

Já no meio-leve feminino (até 52 kg), Jéssica Pereira começou a competição perdendo para a britânica Kelly Edwards, mas se recuperou superando a também britânica Chelsie Giles e na disputa pelo bronze superou a polonesa Karolina Pienkowska ao conseguiu uma chave de braço e vencer por finalização. Na mesma chave, Layana Colman foi eliminada na primeira luta pela croata Tihea Topolovec.

Charles Chibana conquistou o bronze na categoria até 66kg. O brasileiro começou a competição vencendo Eisa Majrashi, da Arábia Saudita, e na sequência caiu para o cazaque Azamat Mukanov. Mas Chibana se recuperou e na disputa por um lugar no pódio conseguiu um yuko no último minuto sobre o eslovaco Andraz Jareb e garantiu a quarta medalha para o Brasil no primeiro dia do Grand Slam.

O Brasil volta a entrar em ação no próximo sábado (29) com Mariana Silva (63kg), Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg), Bárbara Timo (70kg), Alex Pombo (73kg), Marcelo Contini (73kg), Rafael Macedo (81kg) e Victor Penalber (81kg).