Esquiva Falcão enfrenta Salim Larbi e se vencer vai disputar o cinturão mundial de Boxe


Esquiva Falcão,

Esquiva Falcão está invicto como boxeador profissional – Foto: Top Rank

Esquiva Falcão já tem data e adversário definido para seu próximo desafio. O medalhista de prata nos jogos olímpicos de Londres em 2012 terá pela o francês Salim Larbi dia 10 de março, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

A luta terá duração de 10 rounds e em caso de vitória, Esquiva Falcão terá a chance de fazer a revanche olímpica contra o japonês Ryota Murata pelo cinturão da Associação Mundial de Boxe (WBA, na sigla em inglês), que está nas mãos de Murata.

“Vou pegar a medalha de ouro que deveria ser minha e trazer esse cinturão para o Brasil. Mas como sempre digo, é um passo por vez. Primeiro vou dar o meu melhor diante do Larbi para depois focar exclusivamente no Murata”, contou Esquiva Falcão.

O brasileiro terá pela frente o francês Salim Larbi que tem 30 anos e que tem 20 vitórias, sendo sete por nocaute, oito derrotas e dois empates em seu cartel.

“É um adversário bastante experiente com muitas lutas no cartel. Vou em janeiro para os Estados Unidos me preparar para esse combate e claro para pegar o Murata”, disse o capixaba.

Desde que se tornou boxeador profissional Esquiva Falcão nunca escondeu o desejo de fazer a revanche contra seu algoz na decisão dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012, Ryota Murata. Os dois lutadores se enfrentaram antes de se profissionalizarem na disputa pela medalha de ouro e o confronto ficou marcado por uma decisão polêmica que rendeu a vitória e a medalha de ouro para o japonês. No último round da luta, o capixaba recebeu uma punição que lhe tirou dois pontos e sendo determinante para a sua derrota por 14 a 13.

Após as Olimpíadas os dois boxeadores se profissionalizaram e aos 27 anos, Esquiva Falcão está invicto na carreira com 19 vitórias, sendo 13 por nocaute. Já Ryota Murata tem 31 anos e soma seu cartel 13 vitórias, sendo dez por nocaute, e uma derrota, para Hassan N’Dam N’Jikam, a quem venceu em seguida para conquistar o cinturão da AMB.