Fábio Maldonado disputa cinturão peso-cruzador no Imortal FC 6 em card repleto de grandes nomes


fabio-maldonado

Ex-UFC, Fábio Maldonado encara Tiago Monaco na luta principal do Imortal FC 6 – Divulgação UFC

O “dia do julgamento” está chegando e vai acontecer no dia 10 de dezembro, em Curitiba, no ginásio do Círculo Militar. Batizado como “Judgement Day”, o Imortal FC 6 promete fechar o ano fazendo jus ao nome, com um card estelar e repleto de grandes lutas. No duelo principal, o veterano Fábio Maldonado, ex-UFC, volta ao MMA nacional após mais de seis anos para disputar o cinturão inaugural peso-cruzador (até 104kg) contra o compatriota Tiago Monaco.  Natural da Guiana, Carlston Harris, campeão do torneio do XFC em 2015, pega a revelação Wellington Turman pelos meio-médios (até 77kg). O Esporte Interativo transmite ao vivo a partir das 20h.

Outros cinco combates integram o card principal e têm tudo para ‘explodir’ o público presente no Imortal FC 6 “Judgement Day”. Os pesos-pena (até 66kg) Vinicius Vina e Rafael Baraka se enfrentam em luta com 23 finalizações somadas nas carreiras. O embate feminino entre a catarinense Liana Pirosin e a paranaense Vanessa Guimarães, ambas ex-XFC, promete abalar as estruturas do ginásio, pela divisão dos palhas (até 52kg). Abrindo o card principal, os destaques vão para os duelos entre Magnun Max e Luiz Bernardi, pela categoria dos galos (até 61kg), Antônio Nego e Rafael Sadan pelos leves (até 70kg) e Marcos Pirata e Cleiton Caetano nos médios (até 84kg).

O presidente do Imortal FC, Stefano Sartori, aponta esta última edição de 2016 como um divisor de água na carreira de diversos atletas.

“É, de fato, o dia do julgamento para muitos lutadores. Com esse casamento de lutas, uma vitória pode significar um passo importante na carreira de algumas revelações que têm se destacado nos últimos tempos. Para os veteranos, é a hora de mostrar força e fazer valer a experiência. Todos têm muito em jogo nesse evento. Será um encerramento perfeito para uma temporada vitoriosa para todos nós envolvidos. Curitiba verá seu melhor evento de MMA do ano, com toda certeza”, projeta Sartori.

Além das sete lutas do card principal, o Imortal FC 6 possui ainda com outros 10 duelos que abrem o evento a partir das 15h da tarde. As Super Lutas contam com nomes conhecidos no cenário nacional como João Alicate, Gustavo Wurlitzer e Marcos Pirata.

‘Capirira de Aço’ volta ao Brasil em busca de cinturão

Desde sua última exibição no MMA brasileiro, em junho de 2010, Fábio Maldonado fez carreira e fama no UFC por protagonizar combates emocionantes e sangrentos ao longo dos quase cinco anos no maior evento de MMA do mundo, ganhou o apelido de “Caipira de Aço” que o acompanha até hoje. Em junho deste ano, enfrentou o lendário russo Fedor Emelianenko, na Rússia, e saiu derrotado em uma decisão majoritária extremamente controversa por parte dos juízes laterais. Em outubro fez mais um duro combate, desta vez na Sibéria, e perdeu para o promissor Mikhail Mokhnatkin, que não é derrotado desde 2010.

No Imortal FC 6, Fábio Maldonado também não terá vida fácil para conquistar o cinturão inaugural da categoria peso-cruzador. Seu adversário, o experiente Tiago Monaco, de 30 anos, promete dar trabalho ao sorocabano. Ele soma um total de 55 lutas na carreira, com 36 vitórias. Destes triunfos, Monaco acabou 21 deles via nocaute, 14 por finalização e nenhum deles na decisão dos juízes.

Sartori espera que esse seja um dos melhores combates do ano. “Casamos um grande combate entre uma lenda do MMA como o Maldonado e um atleta muito experiente e tarimbado, com várias lutas internacionais em sua carreira. Será um combate muito explosivo, que promete muitas emoções e não deve ir para a decisão dos árbitros laterais. Além disso, estamos criando o movimento para a criação do Peso Cruzador (até 104kg), uma categoria intermediária entre os Meio Pesados e os pesados, portanto teremos um campeão nessa nova categoria, que deve aparecer nos principais eventos do mundo nos próximos anos”, analisa.

Temporada de consolidação entre os melhores eventos do Brasil

Criado em 2015, o Imortal FC ganhou credibilidade ao se consolidar como um grande exportador de talentos para o MMA internacional. Dos cages do evento paranaense já saíram atletas para o UFC, Bellator, KSW, e mais recentemente para o Pancrase, através de um GP conquistado pelo invicto Rogerio Bontorin. Além das jovens revelações, o Imortal FC passou a atrair o interesse de veteranos e atletas mais conhecidos em busca de boas oportunidades, como Wendell Negão, Jorge Blade e agora Fábio Maldonado e Carlston Harris. Consolidado entre os melhores eventos do MMA nacional, o ano de 2017 tende a ser de ainda mais conquistas para os lutadores da organização paranaense.

Confira o card do Imortal FC 6

CARD PRINCIPAL

104kg Fábio Maldonado x Tiago Monaco

77kg Carlston Harris x Wellington Turman

66kg Vinicius Vina Pancini x Rafael Baraka

52kg Liana Pirosin x Vanessa Guimarães

61kg Magnun Max x Luiz Bernardi

70kg Antonio Nego x Rafael Sadan

84kg Marcos Pirata x Cleiton Caetano

SUPER LUTAS

61kg Diego Santos x Laertes de Paula

66kg Sidmar Neco x Arivaldo Carniça

66kg Gustavo Wurlitzerx Sergio Barbosa

57kg Jardel Evangelista x Henrique Santos

61kg Paulo Macedo x Ewerton Seu Boneco

66kg Alan Silveriox Marcos Dhalsin

84kg AndreTyson x Thiago Frasson

61kg Deise Lee x Vitoria Ferreira

57kg João Alicate x Genilson Lacerda

77kg Felipe Alves x Nathan Oliveira