Rafaela Silva conquista o prêmio de Atleta do Ano no Prêmio Brasil Olímpico 2016


Rafaela Silva ouro olímpico

Rafaela Silva conquistou medalha de ouro nos Jogos do Rio de Janeiro – Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CBJ

Rafaela Silva foi um dos principais destaques do Brasil Olímpico, principal premiação do esporte brasileiro, que aconteceu na última quarta-feira (29). Em cerimônia realizada na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, a campeã olímpica levou os prêmios de Judoca do Ano, Atleta da Torcida (votação popular) e Atleta do Ano (feminino).

Se preparando para o Grand Prix de Tbilisi, na Geórgia, Rafaela Silva não pode comparecer a premiação e foi representada pelo técnico Geraldo Bernardes, mas campeã olímpica acompanhou a cerimônia pela internet e comemorou a conquista.

“É uma enorme honra para mim ser eleita, pela primeira vez, a Atleta do Ano do Prêmio Brasil Olímpico, além de ganhar os troféus de Judoca do Ano, onde concorri com a Mayra e com o Baby, grandes nomes do judô mundial, e do Atleta da Torcida, que eu queria muito ganhar. Obrigada a todos que votaram em mim”, disse Rafaela Silva que lamentou não poder estar na premiação.

“Lamento muito não poder estar presente, mas essa etapa é muito importante para mim. Eu fui campeã do Grand Prix de Tbilisi no ano passado e preciso defender meus pontos no ranking mundial da FIJ agora”, explicou.

Rafaela Silva concorreu ao prêmio de melhor atleta feminina ao lado da dupla Kahena Kunze/Martine Grael, da vela, que também se sagraram campeãs olímpicas nos Jogos Rio-201, Poliana Okimoto, que ficou com a medalha de bronze na maratona aquática.

Foi a terceira vez que o judô ganhou o prêmio de Atleta do Ano oferecido pelo Comitê Olímpico do Brasil, repetindo as conquistas de João Derly (2005) e Sarah Menezes (2009).